Match: Encontre uma empresa com a sua cara

Você sabia que é possível fazer uma conexão entre um determinado tipo de cultura organizacional e o seu perfil, para a partir disso tomar decisões de carreira mais embasadas?

Mas e como fazer isso na prática? Vamos ver alguns conceitos primeiro:

Valores são as crenças que direcionam nossas ações cotidianas. O que diferencia uma pessoa de outra não são os valores em si, mas sim a hierarquia de alguns valores em relação a outros (Rokeach).

E cultura é a maneira de pensar, sentir e reagir de um grupo. É transmitida por símbolos e representa sua identidade específica. O coração da cultura é composto pelas ideias e valores daquele grupo (Kluckhohn).

Precisamos conhecer quais são os nossos valores. Para identificá-los, podemos usar três elementos: o autoconhecimento, a inspiração e o olhar para o futuro.

O autoconhecimento nos ajuda a entender quem somos e o que queremos. Nesse passo, pense no que você espera realizar nos próximos anos ou quais são seus objetivos de vida. Liste 10 valores que vem a sua mente e que fazem você se mover em direção a esses objetivos. Se estiver difícil, pense então em momentos em que você se sentiu muito feliz, muito eficiente ou muito realizado. O que esses momentos tiveram em comum? O que fez você ter se sentido tão bem?

Falando em inspiração, também podemos encontrar nossos valores em pessoas que admiramos. Basta imaginar pessoas famosas, membros da família, amigos que de alguma forma te inspiram e pensar que tipos de valores foram importantes para essa pessoa ter conseguido tudo o que você admira.

Podemos ainda olhar para o nosso futuro e imaginar quem queremos ser, onde e com quem queremos estar daqui a 10 anos. Projete uma cena mental que tenha as respostas para essas perguntas e pense então em 10 valores que seriam essenciais para que essa visão se realizasse.

Com a lista de valores que resultou desses 3 elementos, selecione 10 e os coloque em ordem de importância para você. Aí estão os seus valores!

Finalmente, está na hora de ver com quais empresas esses valores combinam.

Para isso, precisamos investigar quais são os valores da empresa que temos interesse em trabalhar. Podemos identificá-los através de diferentes fontes. Uma das maneiras de perceber a cultura de uma organização é observar o ambiente de trabalho, entrar no site, visitar a empresa, identificar origem/nacionalidade da organização, identificar o setor de atuação, conversar com pessoas que trabalham lá e buscar informações em site como “glassdoor” e “love mondays”.

Neste momento é importante cruzar pelo menos duas fontes para ver se o que é comunicado oficialmente pela empresa e o que é praticado no dia a dia.

Olhando para essas informações e com nossos valores em mente, conseguimos avaliar se aquela empresa preza pelos mesmos valores que nós. Raramente todos os valores irão bater. É nesse momento que o ranking de valores entra em ação.

CURIOSIDADE:

Os estudantes que fazem parte do Jornada para o Futuro responderam à pesquisa Carreira dos Sonhos do Grupo Cia de Talentos e entre eles 57% têm uma empresa em que sonham trabalhar, 7% já trabalha na empresa que sempre sonharam e 36% não têm uma empresa dos sonhos, não porque não se identificam com nenhuma, mas porque idealizaram uma carreira e não uma empresa específica.

E você já parou pra pensar nisso? Já sonhou em trabalhar em alguma empresa? Se já sonhou com alguma, que tal você fazer o exercício de ver se ela realmente combina com você? Se não tem nenhuma porque pensou apenas na sua carreira, não se preocupe, investigue mais a fundo os seus valores para que quando receber propostas de emprego, saiba o que priorizar na hora da escolha.

 

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.